Click here to register.

Portuguese Speech Files

Flat
Camelô - de temporário a permanente
User: fabito
Date: 7/13/2015 10:15 pm
Views: 1026
Rating: 0
<p>&ldquo;A pedra no sapato de minha professora prim&aacute;ria era meu amigo Louie. Ele sentava-se na sala de aula e mastigava a gravata at&eacute; ficar molhada e desfiada. Ela vivia chamando a aten&ccedil;&atilde;o dele...</p>
<p>Mais tarde, ele se tornou um homem de posses e eu aprendi a nunca subestimar o potencial de um menino para ter &ecirc;xito na vida... Mesmo quando ele mastiga a gravata!&rdquo; ~ Gordon B. Hinckley</p>
<p>&nbsp;Cada gera&ccedil;&atilde;o tem suas manias. A minha, contava os centavos pra gastar no fliperama . Como quase ningu&eacute;m tinha videogame em casa, era l&aacute; que nos encontr&aacute;vamos ap&oacute;s a escola.</p>
<p>&nbsp;Minto. Eu estudava &agrave; noite. Mas dava uma passada r&aacute;pida por ali ap&oacute;s o trabalho. Ganhava a vida como camel&ocirc;.</p>
<p>&nbsp;Fiquei contente quando o Le&ocirc;nidas me arrumou aquele emprego na barraca do Tuca. As vendas eram pra l&aacute; de incertas, mas a divers&atilde;o era garantida!</p>
<p>&nbsp;Nossa barraca era de mochilas e meias, embaixo do viaduto. Ali, exercit&aacute;vamos nossas malvadezas. Tinha um homem que vendia uns biscoitinhos amarelos, uma imita&ccedil;&atilde;o barata de Cheetos. Ali&aacute;s, bem barata, pois aquele sac&atilde;o por um real cabia no mais modesto dos or&ccedil;amentos.</p>
<p>&nbsp;Os biscoitos ficavam esperando o saco abrir pra come&ccedil;ar a dar cria. Quanto mais se comia, mais biscoito aparecia! Ningu&eacute;m dava conta de comer um saco inteiro daquele plastiquinho salgado. (Nem mesmo o Sor&oacute;, que tinha a fama de esfomeado.)</p>
<p>&nbsp;Num dia de menor movimento, algu&eacute;m deu a id&eacute;ia de tocarmos fogo nele. (No biscoito, n&atilde;o no Sor&oacute;.) E n&atilde;o &eacute; que o infeliz pegava fogo mesmo? Aquele isopor tingido de amarelo devia nos arrebentar por dentro!</p>
<p>&nbsp;Como vingan&ccedil;a, passamos a tacar fogo nos biscoitos, um a um, e os jog&aacute;vamos em frente &agrave; barraca do vendedor. As vendas dele chegaram quase &agrave; zero, e ele acabou mudando de ponto. Embora fosse engra&ccedil;ado na &eacute;poca, &agrave;s vezes bate aquela pontinha de remorso por ter sido um aprendiz de incendi&aacute;rio.&nbsp;</p>
<p>&nbsp;Almo&ccedil;&aacute;vamos numa Kombi branca. Um marmitex pra cada um, um guaran&aacute; pra cada dois. Naquele mini-refeit&oacute;rio improvisado, bat&iacute;amos nosso papo de camel&ocirc;. A quentinha era devorada sem tr&eacute;gua, sob um calor infernal. O suor escorria do queixo, indo salgar mais a marmita.</p>
<p>&nbsp;Algumas semanas de trabalho foram suficientes para que eu descobrisse o fliperama das redondezas. Passei a perambular por ali sempre que tinha uns trocados. Enquanto fazia o quilo, virava detetive e atirava pra todo lado no Elevator . No pr&oacute;ximo minuto, j&aacute; era um piloto de F&oacute;rmula Um. Com direito a ar condicionado, pelo m&oacute;dico valor de vinte e cinco centavos a ficha!</p>
<p>&nbsp;Num dia em que estava abonado , acabei me empolgando. Pulei fora da Kombi e fui me refrescar no... Voc&ecirc; j&aacute; sabe. De ficha em ficha, minhas moedas foram se esgotando. Os ponteiros do rel&oacute;gio me fitavam impacientes. Comecei &agrave; uma da tarde. Quando o dinheiro acabou, faltavam quinze para as quatro.</p>
<p>&nbsp;O Tuca j&aacute; me esperava do lado de fora da barraca. Bra&ccedil;os cruzados, as bochechas vermelhas, o olhar soltando labaredas. Sem mais delongas, cuspiu logo os marimbondos:</p>
<p>&nbsp;&ldquo;-- Sabe que horas s&atilde;o? Eu preciso ir ao banco &ndash; t&ocirc; com uma boleta atrasada! Agora, vou ter que pagar juros! Se for fazer isso de novo, nem precisa aparecer amanh&atilde;!&rdquo;</p>
<p>&nbsp;Pensei por um instante: se eu tiver dinheiro, &eacute; isso mesmo o que eu vou fazer. Como a demiss&atilde;o era a sa&iacute;da mais prov&aacute;vel pra descolar uma graninha, lasquei de volta:</p>
<p>&nbsp;&ldquo;-- T&aacute; combinado. Pode acertar comigo hoje mesmo.&rdquo;</p>
<p>&nbsp;No outro dia, j&aacute; um ex-camel&ocirc;, venci mais algumas corridas, acertei mais alguns espi&otilde;es... E l&aacute; se foi mais um prov&aacute;vel concorrente do S&iacute;lvio Santos!</p>
<p>
--- (Edited on 7/13/2015 10:18 pm [GMT-0500]  by  ) ---
</p><p>

--- (Edited on 7/13/2015 10:25 pm [GMT-0500]  by  ) ---
</p>
2-CAMELODETEMPORARIOAPERMANENTE.wav 2-CAMELODETEMPORARIOAPERMANENTE.wav
PreviousNext